CNH Social 2018: Inscrições, Estados, Requisitos para particar

Pensando em obter a sua Carteira Nacional de Habilitação, mas não tem condições financeiras?  Saiba como conseguir a sua pelo CNH Social 2018. O benefício governamental já auxiliou milhares de pessoas e você pode ser o próximo. Confira as informações para ter acesso a sua CNH Social 2018.

CNH Social 2018

CNH SOCIAL 2018

Atualmente os custos para se tornar um motorista dentro das leis de trânsito nacional é muito alto, pensando em atender a população mais carente do país foi criado o programa CNH Social 2018

Fique por dentro e garanta já a sua CNH!


Conheça  o programa CNH Social 2018

Por todo o país existem jovens e adultos que desejam obter um veículo automotor para se locomover no seu cotidiano.

Porém além do desejo, a questão da CNH se tornou uma necessidade, uma vez que tem se tornado requisito para muitas vagas de emprego. 

Fique atento as informações do Meu 2018 e as regras  de programas como estes.

Apesar do programa CNH social 2018 está em sua sétima edição, pouca gente conhece suas atividades perante a população.

 Além de tirar a sua Carteira de Habilitação, o cidadão poderá  incluir alguma categoria nova ou mudar de categoria.

A  parceria entre o Projeto Incluir e o Governo Federal é GRATUITA! Ou seja, você não precisará desembolsar nenhum valor da sua renda para participar desse programa tão importante para toda a população.


Quem poderá ter acesso ao benefício da CNH Social 2018?

As dificuldades financeiras no Brasil atualmente são muitas e o cidadão deverá ficar atento aos auxílios governamentais para não precisar arcar com todos os custos impostos a ele.

Para ter acesso a sua CNH Social 2018, os cidadãos deverão se encaixar algumas situações, confira a seguir quais são:

  • Ter idade igual ou superior a 18 anos;
  • Estar cadastrado no CadÚnico;
  • Ser beneficiário do programa Bolsa Família;
  • Estar sem emprego por um período igual ou superior a 1 ano;
  • Estar empregado e o valor da sua renda mensal ser de no máximo dois salários mínimos;
  • Ex-presidiários;
  • Ser um pequeno agricultor que receba até dois salários mínimos por mês;
  • Portadores de alguma deficiência física;
  • Candidatos que ainda não possuem experiência profissional regularizada.

Caso você já possua algum tempo de atividade remunerada regularizada em sua CTPS, deverá apresentar o seu cadastro no PIS para comprovar sua situação.


Como realizar a inscrição no programa CNH Social?

O primeiro passo é saber se o seu estado é participante do projeto. Confira a listagem dos DETRANS que estejam participando do programa CNH Social a seguir:

Informação Importante: Caso o seu estado não esteja entre os participantes, fique atento pois a qualquer momento poderá surgir uma nova atualização!

Se você é morador de uma cidade ou região que possui o SEST/SENAT também poderá acessar o site do órgão para verificar se há a disponibilização do programa,  estados como:

  • Bahia;
  • São Paulo;
  • Goiás.

Possuem esse benefício pela instituição do SEST/SENAT.

Para se inscrever no processo, o candidato deverá ficar atento ao período disponível em seu estado. Feito isso, confira os passo a baixo:

  • Acesse o DETRAN do seu respectivo estado;
  • Clique nas opções CNH Social ou CNH Popular;
  • Se inscreva tendo em mãos os seguintes documentos:

A) CPF;

B) Documento oficial com foto (RG, CNH, CTPS ou Reservista);

C) Caso seja ou já tenha sido casado, obtenha a sua Certidão de Casamento, Declaração de união estável ou divórcio.

De acordo com as últimas edições, as vagas para o acesso da CNH Social 2018 são cerca de 7 mil unindo todos os estados participantes, não perca tempo e corra atrás da sua!

 

Veja como fazer, no vídeo abaixo:

 

Para mais informações sobre a CNH Social 2018, deixe um comentário a baixo ou entre em contato com o DETRAN da sua região.

Adicionar Comentário